Arquivo mensal: Fevereiro 2016

  • -
entrega-epi-bombeiros-voluntarios-tv_w1024-h768

Entrega de Equipamentos de Proteção Individual

Sobre a premissa da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) de equipar 50% do Quadro Ativo e do Quadro de Comando dos Corpos de Bombeiros, a Comunidade Intermunicipal do Oeste (OesteCIM) apresentou junto do Fundo de Coesão do POVT – Programa Operacional Temático da Valorização do Território- uma candidatura para aquisição de Equipamentos de Proteção Individual (EPI) para os Corpos de Bombeiros da Região Oeste.

Ao Corpo de Bombeiros Voluntários de Torres Vedras foram entregues 90 conjuntos de equipamentos de proteção individual (EPI), sendo que cada EPI é composto por cógula, luvas, capacete, casaco, calça e botas, num investimento total de 37.866,60 €.

O Presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Carlos Bernardes, procedeu no passado dia 24 de fevereiro, à entrega formal dos equipamentos ao Corpo de Bombeiros Voluntários de Torres Vedras, nas pessoas do Comandante da Corporação, Fernando Barão, e do Presidente da Direção, Gonçalo Patrocínio, que aproveitaram a ocasião para salientar a importância da aquisição destes equipamentos, bem como para agradecer a iniciativa e todo o empenho neste processo por parte do Município de Torres Vedras/OesteCIM e Autoridade Nacional de Proteção Civil.

Fonte: Câmara Municipal Torres Vedras


  • -
Sem Título

Incêndio mata sete mil perus

Um incêndio num pavilhão de um aviário de criação de perus causou a morte a sete mil animais, este domingo.
O acidente aconteceu pelas 08h50 da manhã em Campelos, Torres Vedras.
No local estiveram 32 bombeiros de Torres Vedras acompanhados por sete viaturas.

Fonte: Correio da Manhã


  • -
carnaval2016_1

242 intervenções no Carnaval

Nem só de festa e folia é feito o Carnaval de Torres Vedras, que o digam os Bombeiros Voluntários que em cinco dias apenas somaram um total de 242 intervenções. O balanço final ainda assim é positivo, refere Fernando Barão, comandante da corporação, com os números das ocorrências a manterem-se praticamente idênticos aos do ano anterior.

Os bombeiros contabilizaram 116 saídas de emergência para o Carnaval, das quais 19 foram quedas, 87 intoxicações por álcool, quatro agressões e seis casos de doença súbita. Números que ainda assim ficam aquém das 40 a 50 mil pessoas que todos os dias e noites brincaram ao carnaval na cidade.

E porque o ritmo de trabalho não abranda só porque é tempo de folia, os bombeiros continuaram a ter de dar resposta a todas as solicitações no concelho, com 114 emergências, seis incêndios, cinco acidentes rodoviários e uma fuga de gás contabilizados do dia 5 a dia 9. Um dos incêndios teve lugar na segunda-feira, às 22h30, no lugar da Charneca (Casalinhos de Alfaiata), e deixou uma habitação sem condições de habitabilidade, devido ao imenso fumo provocado pelas chamas.

Fonte: Badaladas
Foto: Patrícia Pinheiro


Em caso de Urgência ligue 112 ou 261 322 122